Home Escola Se o Ministro da Educação valoriza as tecnologias, então resolva o problema...

Se o Ministro da Educação valoriza as tecnologias, então resolva o problema da internet nas escolas

1064
3

Eu quando li esta notícia Ministro da Educação realça elevado retorno da aposta nas competências digitais, lembrei-me logo dos resultados da sondagem realizada na semana passada pelo ComRegras, onde metade dos votantes chumba a qualidade da Internet das escolas.

É a velocidade que é baixa, é as falhas sistemáticas, é o Wi-Fi que não funciona, tudo o que uma internet não deve ser, é. Mas nem sempre foi assim, a passagem para o MinEdu (nome atribuído à Internet), trouxe os problemas referidos. Mais uma vez optou-se por um pacote centralizado, certamente mais económico mas que deixa muito a desejar.

O irónico é que temos um Ministério da Educação super moderno, apologista das novas tecnologias, com eco no Primeiro-Ministro (ver notícia), flexibilização para aqui, autonomia para acolá, mas quando os professores querem mostrar um vídeo no youtube, querem utilizar um programa como o Kahoot, querem pedir aos alunos para utilizarem os telemóveis para pesquisa, ouve-se a frase do costume… “Professor, a internet não está a funcionar!”

Antes de avançarmos para o futuro, convém que o futuro chegue EM CONDIÇÕES às salas de aula…

Ficam os resultados da sondagem ComRegras

Ler também:

Sobre o Mito O frio – “Salas de aula geladas e não se pode ligar o aquecimento”

(Assistente Técnico)

3 COMMENTS

  1. …esse ministro passa o dia agarrado à secretária sentado naquelas cadeiras de andar à roda, nem deve sonhar com o que se passa nas escolas! talvez esteja a elaborar algum relatório para suporte de uma tese qualquer.

  2. E no pré-escolar e no 1º Ciclo então é que elas doem. Na cidade onde estou o parco parque escolar tem 12 anos, enfim.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here