Home Escola Quando Faltarem Professores Para Dar Aulas Vão Devolver Os 9 Anos Ou...

Quando Faltarem Professores Para Dar Aulas Vão Devolver Os 9 Anos Ou Até Mais…

5309
3

Ninguém falou sobre esta questão. Toda a gente opinou sobre a equidade social, partindo do pressuposto que a equidade deve ser nivelada por baixo. Muito bem, depois do golpe de teatro de um verdadeiro profissional da política, dificilmente os professores vão recuperar mais do que os 2 anos e 9 meses de serviço. O resto da população deve ter ficado feliz, mas não se apercebeu que perdeu uma oportunidade de ouro para melhorar as suas condições económicas, seja no público ou privado.

O mais incrível é que quase ninguém falou na questão da valorização da carreira docente, nem nos direitos adquiridos. Palavra proibida nos tempos que correm, pois quando se fala em direitos, parece que estamos a falar em irresponsabilidade, ou até em roubo.

Estamos perante o início de uma sangria fortíssima que irá ocorrer no ensino, lembro que a previsão é que nos próximos 10 a 15 anos, desapareçam cerca de 40 mil professores das salas de aula.

Acham mesmo que esta fantochada toda, ajudou a aumentar o interesse sobre a carreira docente? Acham mesmo que os professores atualmente no ativo, ficaram mais interessados em continuar numa carreira tão exigente?

Estão a criar a tempestade perfeita, depois vão correr atrás do prejuízo e nessa altura já será tarde demais…

Deixo-vos com um dos poucos comentários lúcidos que passaram na comunicação social.

Alexandre Henriques

https://youtu.be/qeAvFbvnQH0

 

3 COMMENTS

  1. Só dá para rir. Sou professora há 10 anos e concorri há 10 anos e nunca fui colocada. Estão com receio que faltem professores????

  2. Há escolas que continuam com horários por preencher porque não há professores em certos grupos disciplinares

  3. Quando faltarem professores de Física no 12º ano (só para citar um exemplo), os engenheiros do ambiente desempregados voltam a ser considerados “professores mais do que habilitados”, mesmo de não percebam nada de física, de flexibilidades curriculares, de educação inclusiva e de todas as outras minhoquices que são o dia-a-dia das escolas nos tempos que correm.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here