Home Notícias Provedora De Justiça Defende Manuais Gratuitos Para Alunos Carenciados Do Ensino Privado

Provedora De Justiça Defende Manuais Gratuitos Para Alunos Carenciados Do Ensino Privado

224
1

O programa de manuais gratuitos no ensino público deve ser alargado aos alunos carenciados do ensino privado ou cooperativo, defende a Provedora de Justiça, Maria Lúcia Amaral, que recomendou a alteração legislativa ao ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, segundo uma nota publicada esta quarta-feira pela provedoria.

A Provedora de Justiça responde assim a queixas “apresentadas por cidadãos, associações e instituições”, que questionam a constitucionalidade da actual lei, devido ao facto de o programa ser limitado aos alunos das instituições da rede de ensino pública.

“A dicotomia público/privado”, indica a provedora, citando os queixosos, “não podia ser apresentada como razão bastante para justificar que ficassem excluídos do benefício os seus filhos, os seus educandos e os seus estudantes”.

1 COMMENT

  1. Portugal é cada vez mais uma ANEDOTA… Já não bastava ver chegar cidadãos que transportam os seus filhinhos para a escola pública num carro de topo de gama (seja um Mercedes, um Tesla, ou um BMW modelo X5) para agora vermos também os papázinhos das escolas privadas a receberem livros grátis! Já agora, como a pública tem recursos de CACA… que exijam todos que os filhos vão para a PRIVADA e que seja o ESTADO a pagar as taxas… mensalidades… e outros gastos para poderem usufruir de recursos de LUXO (por exemplo, tabletes, computadores modernos, computadores portáteis, espaços de lazer… quadros interactivos gigantes e com retroprojecção) enquanto os filhos dos cidadãos comuns vivem no LIXO (escolas sem espaços de recreio condignos com a infância, computadores que não passam de dinossauros, disfuncionais, alguns do início do século ou até mais velhos !)…
    Agh… é verdade. Claro que podem dar livros grátis a milionários… Afinal, para que serve o dinheiro que continuam a roubar na carreira dos professores!!!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here