Home Escola Professores não estão preparados para gerir situações de indisciplina na sala

Professores não estão preparados para gerir situações de indisciplina na sala

620
0

sala-de-aula-no-BrasilEsta é a conclusão do estudo da Universidade do Minho.

É verdade que a nossa formação inicial não aborda as questões disciplinares. É também verdade que quer a tutela quer as próprias faculdades não demonstram grande preocupação em alterar este cenário.

A formação, infelizmente, está a ser feita no terreno e como em muitas outras coisas o professor é obrigado a aplicar a técnica do “desenrascanço” para conseguir lecionar a matéria.

Sobre a conclusão de que não existem muitos casos graves de indisciplina, até posso concordar, mas esta conclusão não pode servir de desvalorização para a indisciplina que reina nas escolas.

Neste estudo, o psicólogo João Lopes defende que a indisciplina se combate com a promoção do sucesso escolar dos alunos e com uma maior preparação dos docentes para definir regras. Se do estudo realizado as conclusões a retirar é de senso comum, então estamos conversados…

Sem nenhum estudo realizado, arrisco a apresentar as minhas próprias conclusões, que além de mais incisivas, irão certamente ao encontro de muitos professores:

(sem ordem específica)

– Maior responsabilização por parte das famílias;

– Maior organização por parte das escolas, implementação de gabinetes disciplinares;

– Maior autonomia para as escolas;

– Desburocratizar o estatuto do aluno;

– Facultar formação gratuita para pessoal docente e não docente;

– Diminuir o número de alunos por turma;

– Reforçar os Serviços de Psicologia e Orientação e Comissão de Proteção de Crianças e Jovens;

– Aumentar o número de assistentes operacionais;

– Terminar com o ensino obrigatório até aos 18 anos;

– Como nota final, estou com muita curiosidade em saber o número de inquiridos…

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here