Home Notícias Professores da Madeira podem recuperar todo o tempo de serviço em 6...

Professores da Madeira podem recuperar todo o tempo de serviço em 6 anos

2424
2

Parabéns aos professores madeirenses e ao Governo Regional, o Continente tem muito a aprender convosco…

É finalmente a formalização, por escrito, da proposta da Secretaria Regional de Educação para a recuperação do tempo de serviço prestado pelos professores em funções na Madeira, ou seja, mais de nove anos ‘congelados’. O documento, sob a forma de decreto legislativo regional, foi enviado esta segunda-feira aos vários sindicatos de professores e na prática define os termos e a forma como o Governo Regional propõe que se processe a recuperação do tempo de serviço prestado em funções docentes.

Esta proposta abarca, claro, apenas o tempo de serviço docente prestado entre 2005 e 2016 – o tal período de congelamento da carreira – dos professores em estabelecimentos públicos de educação e dos ensinos básico e secundário na dependência da Secretaria Regional de Educação, “prestado com qualificação profissional e avaliado com a menção qualitativa mínima de Bom”, pode ler-se no documento a que o DIÁRIO teve acesso.

Fonte: Dnotícias.pt

SINDICATO DEMOCRÁTICO DOS PROFESSORES DECIDE HOJE SE MANTÉM GREVE

 

2 COMMENTS

  1. Com o dinheiros dos outros até eu era rico (somos nós os continentais que vamos pagar esta recuperação)…a justiça está no princípio de que ou todos são recompensados ou nenhum o é!

    • Ser insular tem a suas dificuldades. E neste caso actuou a autonomia. Não gosta? Peça autonomia para a sua região.
      Ou julga que os madeirenses também não pagam as PPP´s nas autoestradas que não usam?
      Ou uma Expo98 que não visitaram?
      Ou uma rede de hospitais públicos espectaculares e são continuamente atendidos num hospital sem condições dignas.
      É chato? É, mas não fique invejoso. Faça como eles e reclame porque quando a região passou pela amargura de um plano de finanças controlado pelo tribunal de contas nem papel higiénico havia nas escolas.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here