Home Escola Prazo para pedir bolsa de mérito termina a 30 de setembro

Prazo para pedir bolsa de mérito termina a 30 de setembro

12082
6
Para quem estiver interessado e tenha filhos nas condições descritas.
1.2 – A candidatura à bolsa de mérito é apresentada, pelo encarregado de educação, ou pelo aluno que já seja maior de idade, no estabelecimento de ensino a frequentar pelo aluno, até ao dia 30 de setembro ou, caso a data coincida com o fim de semana, a candidatura pode ainda ser apresentada até ao dia útil seguinte, mediante requerimento, acompanhado dos documentos comprovativos da condição prevista no número anterior.
Artigo 14.º
Bolsas de mérito
1 – Os alunos matriculados nas ofertas de ensino de nível secundário, que tenham direito a apoios da ASE nos termos do artigo 11.º, podem candidatar-se à atribuição de bolsas de mérito de acordo com o regulamento publicado no anexo V do presente despacho, do qual faz parte integrante.
2 – Para efeitos do estabelecido no presente despacho, entende-se por ‘mérito’ a obtenção pelo aluno candidato à atribuição da bolsa da seguinte classificação média anual, relativa ao ano de escolaridade anterior, com aprovação em todas as disciplinas, ou módulos, do plano curricular:
a) 9.º ano de escolaridade – classificação igual ou superior a 4;
b) 10.º ou 11.º de escolaridade, ou equivalentes – classificação igual ou superior a 14 valores.
3 – Por «bolsa de mérito» entende-se a prestação pecuniária anual destinada à comparticipação dos encargos inerentes à frequência do ensino secundário.
4 – O montante das bolsas de mérito é determinado a partir do valor correspondente a 2 vezes e meia do indexante dos apoios sociais (IAS) em vigor no início do ano letivo.
5 – A bolsa de mérito é acumulável com a atribuição dos auxílios económicos definidos para os alunos carenciados do ensino secundário e com a bolsa de estudo atribuída aos alunos do ensino secundário através do Ministério da Solidariedade, Emprego e Segurança Social.

6 – A bolsa de mérito não é aplicável aos alunos que se encontram a repetir o ano escolar.

7 – Nas disciplinas sujeitas a exame, a classificação a considerar para atribuição da bolsa é a classificação final da disciplina, após a realização do exame.

8 – Na fórmula do cálculo da média das notas de atribuição de bolsa de mérito, deve utilizar-se a avaliação de todas as disciplinas, com exceção de Educação Moral e Religiosa, incluindo as ofertas de escola.»

6 COMMENTS

  1. Os alunos que têm todos os critérios para serem abrangisos pela bolsas de m~erito mas que não têm escalão de apoio do ASE não têm direito?

    Quer dizer, um aluno com boas notas mas que felizmente os pais têm mais condições não têm direito ao seu reconhecimento por mérito do seu esforço e empenho?

    Então que motivação têm direito estes alunos?

    Só os que têm dificuldade econõmicas é que merecem ser reconhecidos pelo seu empenho?

    Gostaria de obter uma reposta.

    A minha questão não se prende com a questão financeira ~unicamente mas sim pela falta de motivação que esta situação pode desencadear.

    Obrigado

  2. Cristina André, é exatamente isso que se passa se o aluno não tem escalão não é beneficiado pelo que concluo que esta é uma bolsa não de mérito mas sim uma contribuição para quem se esforça e tem dificuldades em comprar material e livros.
    Não tem nada a ver com privilégios ou teorias que possam inventar, e não a média não se arredonda.

  3. Boa tarde
    Tentei dia 2/10 obter a bolsa para o meu educando
    Fiz carta ao director do agrupamento ao qual me negou a bolsa de mérito.
    Como posso fazer para que receba parte do valor da bolsa?
    Existe?
    Obrigado

  4. Que tristes comentários será que o pobre não pode ser bom aluno só tem a bolsa para incentivar triste mais vale um aluno pobre humilde respeitador bem educado que muitos ricos tristes de quem faz comentários aos pobres

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here