Home Notícias Pai de aluno contesta suspensão de aulas. Tribunal aceita queixa e vai...

Pai de aluno contesta suspensão de aulas. Tribunal aceita queixa e vai avaliar

454
0

Ao contrário do que aconteceu no primeiro confinamento, em março do ano passado, as escolas encerraram, mas desta vez o Governo optou por transformar esta pausa de pelo menos 15 dias numa espécie de férias antecipadas, sem possibilidade de aulas à distância, devendo esta interrupção letiva ser compensada mais à frente, no período do carnaval, Páscoa e final do ano escolar. A decisão acabou por ser genericamente aceite pelos colégios, mas está longe de ser pacífica. E já chegou aos tribunais.

Intimação para a proteção da liberdade de aprender e ensinar foi apresentada no Supremo Tribunal Administrativo e aceite. Governo tem cinco dias para responder.

Fonte: Expresso

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here