Home Escola No Global Houve Bom Senso Por Parte Do Governo/Ministério Da Educação

No Global Houve Bom Senso Por Parte Do Governo/Ministério Da Educação

35
3

Por uma questão de honestidade intelectual, não posso deixar terminar o dia sem fazer um breve apontamento sobre as medidas hoje conhecidas.

Muito se falou, muito se criticou, mas no global o plano hoje conhecido é de elementar bom senso, protegendo toda a comunidade educativa. Ufa! Por momentos pensei que iam obrigar os alunos até 12 anos a regressar às escolas no início de maio. Seria uma aflição e o início de uma guerra principalmente com os encarregados de educação.

Não nos podemos esquecer das dificuldades únicas que o país está a viver e ainda por cima do pouquíssimo tempo disponível para mudar métodos de ensino que estão no ADN de alunos e professores. O trabalho realizado, quer pelas escolas, quer pela tutela, merece um aplauso sincero pelo esforço, dedicação e sentido de responsabilidade evidenciado.

Não é graxa, nem preciso de a dar, até porque tenho o blogue cheio de críticas e palavras azedas para com o Ministério da Educação e Governo. Trata-se de ter noção das dificuldades e ser coerente com o que escrevi recentemente.

Não subscrevo tudo, pessoalmente preferia que os exames tivessem sido anulados, mas sou suspeito pois não sou fã do modelo de exames que Portugal tem implementado. Ficam ainda algumas dúvidas sobre os cursos profissionais e até sobre as férias dos corretores de exames que seguramente estarão ao serviço durante o mês de agosto. Mas no global, os esclarecimentos feitos acalmaram a sociedade em geral e isso é muito importante.

Por isso fica o meu agradecimento enquanto professor, mas principalmente enquanto pai.

Bem hajam!

Alexandre Henriques

P.S – foi preciso um “bicho” para ver sintonia entre professores, sindicatos, diretores, pais, Ministério da Educação e Governo. Seria tão bom que assim continuasse…

IMPORTANTE: As Decisões Do Governo Sobre O 3º Período (Calendário Escolar, Exames, etc…)

3 COMMENTS

  1. Concordo contigo. Num cenário genérico, estiveram bem. Sossegaram muita gente. Estou “curiosa” para ver o que enviarão às Escolas, entre circulares, orientações e afins, para dar início ao 3º período. Aí ainda há muito, realmente muito, para esclarecer. Mais que esclarecer, ser claro e objectivo no que se pretende para a Comunidade Educativa. A Escola não pode ficar entalada numa oportuna “autonomia”!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here