Home Escola No dia do professor não devíamos ouvir umas palavras do ME?

No dia do professor não devíamos ouvir umas palavras do ME?

101
2

Desde que sou professor (15 anos) não me lembro de umas palavras de valorização, reconhecimento ou agradecimento (ui… já estou a entrar em paranoia) por parte da tutela no dia do professor. Vários foram os ministros que passaram, vários foram os governos mas a bitola do silêncio mantém-se. Até podem argumentar que estiveram ocupados na cerimónia de comemoração da implantação da República, mas nem que fosse um breve comunicado, uma mensagem nas redes sociais, um assessor do assessor a dizer duas frases, não custava nada e ficava sempre bem.

Convém lembrar que os professores, como os outros funcionários públicos, ainda sofrem do efeito congelador dos cortes nos rendimentos e aumento de impostos. Parece-me a mim que não seria de todo descabido umas meras palavras ao estilo palmadinha nas costas pelo esforço exigido nos últimos anos. É triste quando quem nos chefia é tão rápido na crítica mas tão lento no incentivo – justiça seja feita a este ministério que algumas vezes já disse umas palavras simpáticas.

E porque não os próprios pais, através dos seus representantes, dizerem umas meras palavras de circunstância, nem que fosse através da publicação de uma imagem. Custava assim tanto?

“Se dissesse-mos alguma coisa diziam que devíamos era passar o tempo a melhorar a educação e as condições das escolas/crianças do que dizer meras palavras que seguramente seriam mal interpretadas”.

Verdade! Haveria sempre quem olhasse com suspeita a essas palavras, mas entre o dizer e o não dizer, desde que o dissesse de forma genuína, acredito que para muitos de nós haveria o sentimento de algum (re)conforto e compreensão. Valeria de pouco é verdade, mas era melhor que o silêncio gélido da indiferença…

Existe aquela coisa que se chama inteligência emocional que quem a tem normalmente consegue criar ao seu redor uma certa empatia. Infelizmente essa inteligência não tem sido muito vista entre diferentes membros da comunidade educativa… Aí está algo que os professores (nem todos também é verdade), até podiam dar algumas dicas…

Para o ano há mais…

2 COMMENTS

  1. “Do Senhor Presidente da República à Assembleia da República ou ao Senhor Primeiro-Ministro, do Ministro da Educação ao Conselho Nacional de Educação, os professores foram esquecidos, o que, porém, não é novo no nosso País. A própria comunicação social esqueceu o dia e nos seus principais órgãos não se viu qualquer destaque ao Dia Mundial dos Professores.”

    Fenprof 6/10/16

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here