Home Sociedade Ministra da Administração Interna | “Ia-me embora, ia ter as férias que...

Ministra da Administração Interna | “Ia-me embora, ia ter as férias que não tive”

558
1

Este é um blogue de Educação, mas não pode ignorar o que se está a passar em Portugal. Este é seguramente o ano mais negro da nossa história ao nível dos incêndios, onde se gerou a tempestade perfeita: seca, calor, ventos fortes, floresta mal cuidada, incendiários cobardes e total incompetência na coordenação/atuação.

Não se trata de uma caça às bruxas, mas a forma como o governo lidou com esta situação é de todo lamentável, tão lamentável como as declarações da Sr.ª Ministra da Administração Interna.

“talvez para mim fosse o mais fácil. Ia-me embora, ia ter as férias que não tive

Numa altura em que morreram mais de 100 pessoas, o desabafo de não ter tido férias, fica-lhe muito mal. A ministra sempre evidenciou uma fragilidade confrangedora, seja na linguagem corporal, seja no discurso fraco e inseguro. É uma ministra que ainda não se apercebeu que já não o é, pelo simples facto que deixou de ser reconhecida como um líder e num cenário de “guerra” a falta de liderança é fatal.

A culpa não pode morrer solteira e o mínimo que esta senhora deve fazer, é assumir publicamente que sairá quando todo este inferno terminar, bem como todos os que têm responsabilidades e falharam redondamente devem sair, a bem ou a mal. É verdade que agora é hora de trabalho, é hora de controlar estragos, mas quem de direito terá de assumir as suas responsabilidades.

Depois das cinzas é preciso apoiar quem precisa, reflorestar uma floresta refém do eucalipto e (re)construir todo um sistema de prevenção que a população portuguesa simplesmente deixou de acreditar.

Portugal não pode continuar a arder em pleno século XXI.

Por último, mas não menos importante, fica a devida homenagem a estes senhores…

Alunos de Leiria aconselhados a ir para casa

Escolas encerradas em Vila Pouca de Aguiar devido a “ar irrespirável”

Incêndios encerram pelo menos vinte agrupamentos de escolas

1 COMMENT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here