Início Escola Min. Da Educação Deixa “Pendurada” Fundação Ilídio Pinho E O Projeto “Ciência...

Min. Da Educação Deixa “Pendurada” Fundação Ilídio Pinho E O Projeto “Ciência Na Escola”

690
0

Numa altura que os projetos são o coração de muitas escolas pois o próprio Ministério da Educação defende-os como uma forma de aprender e de avaliar alunos, o fim do projeto “Ciência na Escola”, da fundação Ilídio Pinho, é algo que causa natural estranheza.

Os motivos não são conhecidos, mas pelo comunicado da Fundação, nota-se ali uma pontinha de “azia”…


Como até ao momento não foi possível obter disponibilidade do Ministério da Educação para a renovação do Acordo de Colaboração na continuidade do Projeto “Ciência na Escola”, com o objetivo de prosseguir o empreendedorismo científico escolar integrado com os ecossistemas das universidades e, destas, com as comunidades que as envolvem, tendo em vista o upgrade da cultura científica e tecnológica nacional, entende a Fundação Ilídio Pinho:

1. Não haver ainda condições para anunciar a 17ª edição do Prémio (2019/20).

2. Não haver condições para encerrar a 16ª edição com a habitual Mostra Nacional.

Assim sendo e uma vez que já decorreram quatro meses do presente ano letivo 2019/20, a Fundação fará a entrega dos prémios, diplomas e troféus da seguinte forma:

 1ºs Prémios

Aos primeiros classificados de cada escalão, numa cerimónia na sede da Fundação, no Porto, que decorrerá no dia 21 de janeiro de 2020, às 12:00 seguida de almoço.

2ºs, 3ºs Prémios e Menções Honrosas

Será feita apenas uma transferência bancária, o que lamentamos, pois impede as escolas de mostrar os seus projetos inovadores com toda a sua dinâmica pedagógica e sinergética.

 3. Publicar a lista das escolas premiadas na 16ª edição. Consultar aqui.

Importa assinalar que a Fundação Ilídio Pinho, de utilidade pública, tem como missão: contribuir para que a ciência esteja ao serviço do desenvolvimento e da humanização”.

Nesta sua missão, a Fundação Ilídio Pinho acredita que o Prémio “Ciência na Escola” é estrutural e importante para o desenvolvimento das condições técnico-científicas de que Portugal precisa, no seu tecido empresarial, para se afirmar como uma verdadeira plataforma de interligação continental, transformando-se num país estratégico para a Europa e para o Mundo.

Neste âmbito, poderá o Governo de Portugal, quando e se o entender, contar com a colaboração da Fundação.

Fonte: Fundação Ilídio Pinho

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here