Home Escola Melhores alunos fazem mais TPC| Chumbar não melhora resultados no ano seguinte...

Melhores alunos fazem mais TPC| Chumbar não melhora resultados no ano seguinte | Marcelo pede estabilidade | David Justino pede outro concurso de professores | E a Educação no IRS.

106
0

jornaisPonto prévio, sinceramente começo a ficar um pouco desiludido com o CNE/aQeduto pois ultimamente são publicados estudos dando a sensação que são novos, quando datam do PISA de 2012. Julgo que seria muito mais interessante apresentarem estudos de raiz com a devida pompa e circunstância já que até têm meios para isso e o que não falta é temas no meio educativo…

Sobre as notícias do dia de hoje.

Os melhores alunos são os que trabalham mais depois da escola, estranho era se fosse ao contrário e ainda bem que assim é. A dedicação e o esforço devem ser sempre premiados. No entanto, querer resvalar a coisa para justificar a dose diária de trabalhos de casa tem que se lhe diga. Vamos então comparar as cargas letivas dos alunos, somando-lhes os respetivos trabalhos de casa e consequentes resultados escolares e índices de fadiga. Eis um estudo interessante para o CNE/aQeduto fazer…

Quanto às reprovações, é óbvio que elas só por si não resolvem nada. A reprovação é uma consequência, um mero procedimento, a repetição do ano se for uma simples repetição, trará naturalmente um resultado repetido. E esta é a questão central! Os alunos reprovam mas no ano seguinte nada muda… os apoios são os mesmos, as aulas são as mesmas, a atitude é a mesma (ou pior), o modelo de ensino é o mesmo e provavelmente a única coisa que muda é a motivação que será ainda menor. A reprovação não é garante de maior esforço ou dedicação, antes pelo contrário. Não se trata de uma questão ideológica, é sim uma questão factual.

Hoje também foi dia do nosso Presidente da República falar de educação, é sabido que Marcelo Rebelo de Sousa sofre de positividade-compulsiva. É bonito, é de louvar, mas as palavras “estabilidade” e “consenso” não casam muito bem com a casmurrice dos nossos políticos.

Quando a David Justino, este é um defensor da contratação de professores pelas escolas. Num mundo perfeito também eu seria, mas não estamos num mundo perfeito e como tal, a lista de graduação é o mal menor. Como ontem referi, David Justino está em clara campanha do bota-abaixo e não se tem inibido de dizer os maiores disparates. Mas o povo não esquece… e os professores muito menos…

Por fim ficámos a saber que as regras do IRS no que à educação diz respeito vão mudar, esperemos que para melhor.

Melhores alunos são os que mais fazem TPC

(Ana Petronilho)

Chumbar não ajuda os alunos a melhorar resultados

(LUSA via Público)

Marcelo: “Deve haver o mínimo de estabilidade e diálogo institucional na educação”

(Daniel Rocha)

Modo de recrutamento dos professores não garante qualidade, afirma David Justino

(LUSA via Público)

GOVERNO CONFIRMA QUE REGIME DE DEDUÇÕES DE EDUCAÇÃO NO IRS VAI SER ALTERADO

(Susana Krauss)

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here