Início Rubricas Livro da semana – Razões para viver

Livro da semana – Razões para viver

70
0

02

Título: Razões para viver

Autor: Matt Haig

Edição/reimpressão: 2016

Páginas: 264

Editor: Porto Editora

ISBN: 978-972-0-04814-1

Idioma: Português

 

Sinopse

Um livro sobre como tirar o máximo partido da vida enquanto cá estamos.

Aos 24 anos, o mundo de Matt Haig desabou:

Durante algum tempo, fiquei parado junto ao abismo. Primeiro, a ganhar coragem para morrer; depois, a ganhar coragem para viver.

Este é um relato na primeira pessoa sobre a forma como Matt mergulhou numa crise profunda, triunfou sobre uma doença que quase o matou e reaprendeu a viver.

Quando se está deprimido, sentimos que estamos sozinhos e que mais ninguém está a passar exatamente por aquilo que nos está a acontecer. Temos tanto medo de que os outros nos achem loucos que acabamos por interiorizar tudo. Temos tanto medo de que as pessoas nos ostracizem ainda mais, que acabamos por nos fechar numa concha. E não falamos sobre o que se passa connosco, o que é uma pena, pois ajuda se falarmos sobre o assunto.

 

Opinião

(por Roberta Frontini)

Ver opinião completa aqui – http://flamesmr.blogspot.pt/2016/04/livro-razoes-para-viver.html

Contrariamente ao que costumo fazer, dei uma vista de olhos à sinopse e à ficha técnica antes de começar a ler o livro. A primeira coisa que me saltou à vista foi o nome do tradutor. De facto, quem traduziu esta obra (e ficam já aqui os meus sinceros parabéns pelo excelente trabalho) foi o escritor Paulo M. Morais. E depois percebi que este não era um livro de auto-ajuda, mas era a história verídica de uma pessoa que passou por uma depressão terrível com uma perturbação de pânico associada.

Há uns meses desloquei-me ao Porto vários sábados para tirar um curso que adorei. O curso era sobre Terapia com os livros (foi um curso com um casamento perfeito entre duas das minhas grandes paixões) e tenho muita pena de o curso ter terminado sem eu ter tido oportunidade de falar às minhas colegas sobre a importância deste livro. Tenho a certeza absoluta que durante as consultas o vou recomendar a imensa gente: a doentes deprimidos, doentes com ansiedade, ataques de pânico, mas também o irei recomendar a outros psicólogos, enfermeiros, médicos, pessoas com curiosidade em saber mais sobre estas patologias e, sobretudo, familiares do doente. De facto, frequentemente nas consultas, quando temos a possibilidade de falar com um familiar do doente, é muito típico ouvir gente a perguntar-me “o que é que posso fazer para ajudar?”. E este livro tem também isso.

São várias as áreas abordadas, até aborda as contradições na área da depressão especialmente a nível neuroquímico e apresenta várias teorias. No entanto, e foi isto que gostei, o autor fala de forma rápida e com linguagem muito simples, abordando estritamente o necessário, sem acrescentar “palha” o que torna a leitura acessível e interessante.

O autor é, também, um grande apaixonado por livros e literatura, e por isso foi muito bom ler sobre isso nesta obra, e perceber o poder que os livros tiveram para ajudar o autor a sair da situação em que se encontrava.

Enfim, é um livro que irei recomendar imenso a vários tipos de pessoas e fico mesmo muito feliz por ter tido a oportunidade de o ler!

COMPARTILHE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here