Início Editorial Imaginem: Professor Vai A Casa De Aluno E Agride Enc. Educação

Imaginem: Professor Vai A Casa De Aluno E Agride Enc. Educação

2062
3

Recentemente ocorreu mais um triste episódio de uma professora agredida no seu local de trabalho. Um ato cobarde, revelador do estado evolutivo de certos pais que ainda se encontram na idade da pedra.

A banalidade com que este tipo de situações vai ocorrendo é revelador do caminho que ainda falta percorrer.

Mais grave que a agressão, só mesmo o silêncio das principais associações de pais e Ministério de Educação. Como se fosse normal um professor levar uns pontapés e umas chapadas, ainda por cima no exercício das suas funções, rodeado de pequenos seres que mais do que palavras “bebem” os (maus) exemplos dos mais velhos.

Na terra dos olhos em bico, o Imperador só se curva perante um professor, uma mensagem clara a todo o tecido social, mostrando que os professores têm uma importância impar na sociedade. Em terras lusitanas ninguém se curva e até parece que virou moda colocar a população contra os professores,  utilizando argumentos falsos e/ou meias verdades.

A forma como um país trata os seus professores revela a sua (i) maturidade. Portugal está claramente na adolescência, testando os limites e a paciência daqueles que mais sabem…

Se por acaso um professor desse o “tilt” e fizesse o impensável de agredir um encarregado de educação em sua casa, por este alegadamente desempenhar de forma negligente/incompetente as suas funções parentais,  a notícia faria honras de abertura de telejornal e daria muitas capas de jornal.  As principais associações de pais e Ministério de Educação iriam imediatamente reagir (e bem), exigindo uma punição exemplar ao docente.

Talvez assim, virando a situação ao contrário, quem de direito ponha a mão na consciência e perceba que o seu silêncio passa uma mensagem insultuosa para com os professores, tornando aceite um ato que nos deve envergonhar a todos.

Alexandre Henriques

COMPARTILHE

3 COMENTÁRIOS

  1. ” As principais associações de pais ……. iriam imediatamente reagir ”

    Mas não reagem. E fazem mal.Seria uma boa acção de civismo e de cidadania para os seus filhos, os filhos dos outros e para uma sociedade higiénica.

    Talvez alguns EEs possam organizar um jantar e dizerem umas palavras sobre o assunto. Pelo menos, umas palavras.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here