Início Notícias França | Telemóveis proibidos nas escolas para alunos e… professores

França | Telemóveis proibidos nas escolas para alunos e… professores

254
0

Não gosto de radicalismos, nem para um lado nem para o outro. Sou da opinião que eliminar o telemóvel para alunos e professores (!?), é não entender a sociedade atual e para onde se caminha.

Claro que não sou defensor dos abusos que os alunos cometem com o telemóvel em sala de aula, é um problema efetivo, um problema que os professores e as escolas ainda não conseguiram resolver.

Julgo que deve existir um debate interno nas escolas e os alunos devem pensar e propor regras específicas para a utilização do telemóvel. Este assunto deve ser assumido e esclarecido, com regras muito claras e consequências também.

Estamos num momento de mudança e toda esta mudança leva a dores de crescimento, ainda para mais quando a grande maioria dos professores fez todo o seu percurso escolar sem a existência de telemóveis. A escola tecnológica será uma realidade cada vez mais presente, boa ou má não sei dizer, é preciso atravessar essa ponte para constatarmos as virtudes e defeitos na prática, porque na teoria parece tudo muito bonito. Porém, não posso concordar com a negação da realidade, não concordo com o colocar a cabeça na areia, prefiro mil vez integrar com regras do que passar aulas e aulas a lutar uma luta que há muito me parece perdida.

Os franceses proibiram, vamos ver se trará bons resultados…

Alexandre Henriques

Telemóveis vão ser proibidos nas escolas em França

Os estudantes franceses vão deixar de poder utilizar os telemóveis nas escolas e universidades daquele país. A lei que proíbe a utilização destes aparelhos em recinto escolar foi aprovada esta quinta-feira, pela assembleia nacional.

A medida, defende o ministro da Educação francês, deverá entrar em vigor no início do próximo ano letivo, em setembro, e tem por objetivo combater as distrações nas salas de aula.

O Governo liderado por Emmanuel Macron vê a iniciativa como uma “medida de desintoxicação” e um “sinal para a sociedade”, numa altura em que mais de 90% das crianças em França com mais de 12 anos têm telemóvel.

Para além do incentivo à aprendizagem e socialização sem ecrãs pelo meio, os defensores desta lei também acreditam que a mesma ajudará a travar o ciberbullying.

Mas não são só os jovens que ficam sem telemóvel em recinto escolar: também os professores vão passar a estar proibidos de utilizar aparelhos eletrónicos nas escolas e universidades francesas.

Fonte: Correio da Manhã

COMPARTILHE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here