Home Escola “Faltam Professores Na Escola Do Meu Filho”

“Faltam Professores Na Escola Do Meu Filho”

3691
7

Recebi cópia de um email enviado para o PSD, onde uma mãe militante do mesmo partido demonstra o seu desagradado sobre o que se está a passar na Educação e com a postura que o PSD tem tido para com os professores.

A preocupação com a falta de professores, neste caso a título pessoal, é apenas uma das muitas manifestações de insatisfação que vão ocorrer no futuro pela falta de professores. Anos e anos de desvalorização da profissão, só podia dar nisto.

Os avisos foram e estão a ser feitos, esperemos que não seja tarde demais…


Exmos Srs Deputados do Grupo Parlamentar do PSD

Maria Elisa Manero, Professora de Matemática, militante do PSD e Encarregada de Educação de dois alunos da Escola que não tem alguns Professores desde o 1º período vem por este meio informar:

O não reconhecimento do tempo congelado 9 anos 4 meses e 2 dias trabalhado pelos professores já tem consequências:

Na maioria das escolas públicas de Lisboa não existem professores de Português, Inglês e Francês em número suficiente. Dou o exemplo na Escola do meu filho, que no mês de janeiro tem apenas duas aulas semanais  de Português porque não existem professores que queiram lecionar em Lisboa, tendo estado todo o  1º período sem aulas;

Nas instituições de Ensino privado já existe falta de professores;

Nos últimos anos, os alunos não desejam ir para as licenciaturas e mestrados na área da Educação;

Todos os dias sai na comunicação social que os professores são uma espécie de malfeitores da sociedade, que trabalham pouco e têm muitas férias.

Esta situação põe em causa a escola pública a médio e a longo prazo com a consequência de falta de Professores.

Assim, solicito que revejam a vossa posição na votação das propostas para bem de Portugal, das famílias e dos alunos que frequentam o ensino  no nosso país

Eu vou votar, não faço parte da abstenção, por isso não admito que o grupo parlamentar se abstenha na votação das propostas sobre a Educação ou quaisquer outros temas sem uma justificação, beneficiando as intenções do Governo em funções, em matérias tão importantes como a Educação, Saúde e outras em Portugal.

Se o PSD quer governar tem que tomar posições.

Com os melhores cumprimentos

Maria Elisa Rodrigues

7 COMMENTS

  1. Exmos. Senhores:
    Desculpem mas vou aqui alertar para o facto de o nome da pessoa que escreve a carta não ser coincidente com o nome da assinatura. Depois, a senhora diz-se professora de matemática mas a sua escrita denuncia uma forma de colocação de frases um pouco rudimentar e sem sustentação das ideias e desenvolvimento do tema, com uma pontuação discutível. Por aí não vão. Tira credibilidade ao Blog, e por simpatia, ao assunto. No mais estou de acordo. Os que vão votar têm de exigir aos partidos que ponderem os assuntos e os votem, tendo em conta o melhor interesse dos eleitores.
    mnatalia

    • O texto foi publicado por mim, mas não é de minha autoria como se explica…
      Tirar credibilidade ao blog?
      Naturalmente que existem mínimos para a publicação, mas não me parece que o texto em causa seja impeditivo de publicação pelos motivos apresentados. A questão central é muito mais importante.
      Ando cansado de professores que lá por terem formação em letras e especialização na língua portuguesa se julgam corretores ortográficos, apontando sistematicamente o dedo em vez de valorizarem o conteúdo.

  2. Boa noite,
    Fui eu que escrevi. Frases simples para os deputados perceberem, não faço política apenas descrevi os factos. Não sou jornalista
    Só não fiz uma cronologia

  3. A Natália deve ser daquelas pessoas que nada faz (vulgo dirigentes político sindicais) vem por em causa a credibilidade do blog. Estupidez perfeita. Ao Alexandre deixo uma palavra de apresso. À Elisa digo-lhe que sou professor e fui militante de um parido que já não existe. Esse parido chamava-se PPD e de que o psd quer ser herdeiro. Jamais votarei nessa gentalha. As intervenções do Pedro Alves, deputado, funcionário do partido e intitulado professor são o exemplo desse partideco

  4. Nunca vi os professores manifestarem-se por menos alunos por turma nem por acompanhamento ao seu burn out constante. Valores (€) maiores se levantam.

  5. Super interessante… esta senhora que justifique a posição do PSD na anterior legislatura! E só lamento que os Profs ,hoje,tão aguerridos ,diria bem manipulados, não tivessem ao tempo “tugido ou mugido”.E tão reivindicativos e grevistas que estão!O reverso da sua atitude é o granjear da falta de respeito e da baixa credibilidade que obteram junto das famílias e da sociedade e especialmente junto dos contribuintes!Nunca o seu estatuto social foi parar tão baixo!Tive sempre orgulho em dizer que “sou Professora!O senhor Mário nogueira deveria ter a mesma garra junto de Passos Coelho!Mas para o PCP e quejandos quanto pior melhor..e aos direitistas dá muito jeito o “quanto pior melhor” ,O grande objectivo dos extremos é esmagar os equilíbrios e a paz social!!!Todos descontentes lá captam eles mais uns votinhos! Todos fomos castigados ,especialmente os reformados que continuam a pagar esta “marmelada” toda e sem que se lembrem deles!Afinal,dar injecções atrás das orelhas dos velhinhos” continua uma realidade,mas estas são mais dolorosas..vão matando lentamente! Esta dita militante e tantos outros não se lembram de quem mandou vir a TROIKA!
    E quem impediu o PEC 4,então aprovado pela Alemanha?O PCP ,o CDS e o PSD!Alguém precisa de fósforoferrero para saber como caminhamos até aqui?Afinal,chegamos aqui por qual estrada?

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here