Início Vários Fake news numa promulgação presidencial

Fake news numa promulgação presidencial

998
2

Um texto incisivo e de leitura decisiva de Paulo Guinote a por os pontos nos iis nas mentiras que fundamentam a política sobre nós.

Caro Senhor Presidente, Isso Não É Verdade, Ponto Final e Exclamação!

À atenção da SIC, TVI, RTP, jornais e jornalistas em geral e Casa Civil do Presidente.

A pergunta fica: o Presidente leu mesmo o decreto que promulgou? Ou só lhe tirou uma selfie?

Se houver algum professor que preencha o critério que deu motivação ao presidente de “precisar do decreto promulgado para subir este ano” que nos mande uma mensagem. O seu caso é tão raro que merece notícia….Aposto que vai ser mais fácil encontrar um unicórnio….

O Guinote explica bem melhor (e curtinho…) do que eu faria….

PS: sobre as novas formas de luta dou 2 sugestões.

Quem vai decidir isto tudo vai ser o PSD. O PS está contra. O PCP e BE vão finalmente mexer-se no Parlamento (depois de terem deixado o comboio passar 2 anos à sua frente). Mas, para haver maioria, é preciso o PSD.

Professores militantes do PSD, escrevam ao vosso líder a explicar o problema.

Cidadãos de círculos em que haja deputados do PSD, escrevam-lhes e queixem-se.

Perturbem-lhes o sono e a letargia.

Uma manifestação com acampamento durável à porta da Sede laranja na Lapa também não era mal feito (tudo resto, em matéria de manifestações, é mais ou menos redundante e inútil, mas nessa alinhava….).

 

 

2 COMENTÁRIOS

  1. Bom… Parece que afinal… Eu sou um unicórnio! Se o decreto que o Sr. Presidente da República aprovou obrigasse à devolução dos tais 2 anos, 9 meses e 18 dias a partir de janeiro de 2019, eu subiria de escalão no início do próximo ano letivo, mais precisamente em setembro de 2019. Tudo fiz para isso: formação específica na minha área disciplinar, pedido de aulas assistidas,… Infelizmente, ou as lentes do Sr. Presidente são fracas, ou estarão, quiçá, desajustadas, com a atual redação do decreto, ficarei a aguardar lá para as calendas gregas! Não acredito ser caso único.

    • Mas ninguém está a discutir o que o decreto podia ser mas o que é….o decreto só faz efeito para subidas futuras posteriores ao decreto. Os unicórnios não existem e por isso não é um unicórnio….

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here