Home Notícias Esta Capa É Uma Sacanice!

Esta Capa É Uma Sacanice!

2931
10

Regalias?

Digam isso aos médicos que estão à arriscar a vida!

Digam isso aos enfermeiros que além de estarem a arriscar a vida nem 1000 euros ganham!

Digam isso aos polícias que andam exaustos!

Digam isso aos professores que foram obrigados a mudar um sistema de ensino secular em menos de 1 mês!

Digam isso a muitos outros funcionários públicos que continuam a trabalhar nas suas casas, tendo inclusive sido obrigados a comprar equipamento informático para continuar a trabalhar.

Numa altura em que a sociedade se devia unir, numa altura que devíamos estar a valorizar os heróis, os que estão na linha da frente, “espetam” com uma capa destas logo no dia de Páscoa…

Regalias? Desde quando é que os vencimentos são regalias??? Se um médico ou enfermeiro vir esta capa antes de ir arriscar a vida, imagino as regalias ao seu estado de espírito…

Todos os funcionários públicos têm noção que o setor privado está a passar por inúmeras dificuldades e que seguramente irão chegar ao setor público, mas imaginem o que seria do setor privado se o Estado liderasse as iniciativas de layoff e despedimentos?

As audiências são importantes e o jornalismo está a passar por uma grave crise pelas elevadas perdas publicitárias, mas caramba… Não pode valer tudo!

Alexandre Henriques

10 COMMENTS

  1. mas são os vossos amigos… Só esta é que te enoja. É todos os dias e não dizem nada. Para estes gajos vale tudo. Só que ás vezes dói mais meu caro, Boa Páscoa

  2. Em minha casa foi tomada uma decisão, não por causa desta página, mas pela guarda da sanidade mental de todos aqui! Bloquear o canal correio da manhã! Pode parecer muito radical…. até mesmo censura…mas tão somente, acabar de dar alento a notícias que mais parecem não ter qualquer interesse! Boa Páscoa a todos!


  3. O Correio da Manhã tem toda a razão no que diz. No setor privado há despedimentos e gente em Layoff que prefazem quase 1 Milhão de pessoas. Na Função Pública está tudo numa boa (para já) e até tiveram direito a aumento salarial.
    É esta a solidariedade nacional. Grande solidariedade.
    Já agora!…Meu caro amigo, na minha Escola o pessoal de secretaria e Assistentes Operacionais vão à escola 1 dia por semana de forma rotativa, isto é, não fazem rigorosamente NADA e recebem por inteiro e ainda tem direito a subsidio de alimentação. Quanto ao trabalho dos professores com os alunos é uma GRANDE TANGA porque é enviar uns emailes e pouco mais.
    Não queiram enganar meninos porque as pessoas atualmente tem os olhos bem abertos.

    • Os professores chegaram à Páscoa completamente esgotados com tarefas de malabarismo constante. Trabalharam muito mais do que lhes é humanamente exigível. Os funcionários dessa escola estão a contribuir para travar o vírus e travar mortes. Os sinos das igrejas não param de tocar a finados. Estará a fazer o que deve?

      A inveja e a Mesquinhez
      Havia um país distante no qual o rei queria saber o que era pior: a inveja ou a mesquinhez.
      Para descobrir a resposta, o governante mandou chamar o homem mais invejoso e o mais mesquinho do reino. Quando os dois estavam diante dele, disse: “Cada um de vocês pode pedir o que quiser, mas eu vou dar o dobro do pedido ao outro”.
      O mesquinho ficou muito incomodado. Ao pedir algo, também estaria dando algo. Algo parecido aconteceu com o invejoso. O mesquinho disse, então, que não desejava nada. Se ele não recebesse nada, o outro também não receberia. Chegou a vez do invejoso, e ele disse: “Desejo que removam um dos meus olhos”.

      Os caranguejos
      Havia um pescador a vender caranguejos perto da praia. Ele tinha dois baldes nos quais mantinha os animais. No entanto, um dos baldes estava tapado, enquanto o outro não.
      Ninguém reparou nesse detalhe, até que uma mulher se aproximou para ver a mercadoria e ficou curiosa com a diferença. Ela pensou que, talvez, os animais tivessem qualidades diferentes. Então, perguntou ao pescador o motivo da diferença.
      O vendedor apontou para o balde que estava com tampa e disse: “Esses são caranguejos japoneses”. Apontando para o outro balde, acrescentou: “E esses são caranguejos nacionais”. A mulher ainda tinha dúvidas. O que a procedência dos animais tinha a ver com o facto de um balde estar tapado e o outro não?
      O pescador notou a confusão e dispôs-se a explicar: “Os caranguejos japoneses escapam com facilidade. Quando um deles tenta sair, os demais formam uma corrente e o ajudam, até que ele consegue fugir. Por isso, é necessário colocar uma tampa no balde. No caso dos caranguejos nacionais, quando veem que um está tentando escapar, seguram-no para que não consiga”.

    • Se o teu trabalho foi enviar uns «mails» aos alunos, de facto nem ao «lay-off» deverias ter direito, porque é um profissional rasca, muito mau mesmo. O problema, porém, nem reside aí, mas no facto de, efetivamente, haver muito mais.

      É curioso que, por exemplo, quando um professor leva nas trombas, não vejo a indignação do resto do país. Mas, dito isto, o que não compreendo é a razão pela qual, havendo tanta gente a ser fortemente afetada por esta calamidade, todos tenhamos de entrar no mesmo barco só porque sim.

      Descendo ao teu nível, era o mesmo que agora todos decidirmos deixarmos-nos contaminar pelo vírus só porque há milhões contaminados e milhares falecidos.

      O ideal, de facto, é cortar em todo o lado: tudo a receber 50% só porque sim. Vais ver que a economia melhora logo imenso.

      Para a próxima, protege o cotovelo. Dói menos.

    • Ainda não aprenderam que é inútil argumentar com os Tobias deste mundo?
      “os cães ladram e a caravana passa”…

  4. Não compreendo tanto rancor contra os professores e assistentes operacionais…nem entendo o modo como se desvaloriza o seu trabalho que decorre, embora em moldes diferentes, todos os dias…Por acaso conhecem todo o trabalho que as escolas (direções, equipas, diretores de turma e docentes em geral) estão a realizar, contra relógio, de modo a que o Ensino à Distância possa começar já na próxima semana? É necessário mais tolerância e respeito…
    Votos de muita saúde, Esperança e força para recomeçar (presencialmente)…quando for possível…

  5. Não há redução em 2020…
    Mas só um ingénuo ou alienado é que não acredita que a partir de 2021 vem uma austeridade de tal magnitude que aquela imposta entre 2011-2018 até nem pareceu nada de especial…

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here