Home Notícias E se ganhássemos o direito de ignorar email profissionais fora do horário...

E se ganhássemos o direito de ignorar email profissionais fora do horário laboral…

217
1

Em França já é possível e chama-se o direito à desconexão.

Os trabalhadores franceses vão poder desligar-se do seu email profissional, fora do horário de trabalho, ao abrigo de uma lei que entra este domingo em vigor em França.

As empresas com mais de 50 trabalhadores vão ser obrigadas a ter um quadro de boa conduta que define o período a partir do qual não é obrigatório enviar ou responder a mensagens de correio electrónico.

(…)

Os defensores da lei argumentam que essa disponibilidade para ver o email não está a ser paga de forma justa, além de que pode contribuir para agravar o stress, burnout (distúrbio psíquico precedido por esgotamento físico e mental intenso) e problemas em dormir.

Trabalhadores franceses ganham direito a ignorar email fora do horário

(Público)

Deste a introdução das mensagens digitais que a ligação laboral com os colegas de profissão e respetivas chefias, entrou na hora da pantufa/chinelo sem apelo nem agrado. Mesmo que não queiramos, ao ligarmos a internet somos muitas vezes bombardeados com emails do serviço. Contra mim falo, já que domingo à noite é normalmente a altura em que envio os emails relacionados com as questões disciplinares… desculpem lá colegas 😉

É verdade que podemos ignorar, mas a pressão da responsabilidade e de sabermos que algo importante pode estar escrito e ao alcance de um toque, é muitas vezes o suficiente para calçar os sapatos do serviço.

A própria tutela é perita em desrespeitar as férias dos professores, basta falar no concurso de professores e não preciso de dizer mais nada…

Os franceses e não só, deram um passo importante na valorização da família, Portugal continua a ignorar a importância da família, ajustando-a ao horário laboral em vez de fazer o oposto. Lembrem-se da escola a tempo inteiro, onde se considera aceitável deixar crianças até às 19:30 na escola…

Trata-se de uma questão ideológica mas também de falta de bom senso, é preciso perceber que um trabalhador é muito mais eficiente se estiver feliz e para estar feliz, nada melhor que usufruir tempo de qualidade com a sua família ou para simplesmente fazer o que lhe der na real gana…

Senhores políticos, aproveitem a ideia e copiem o que de bom se faz lá fora!!!

1 COMMENT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here