Home Escola Dois terços dos alunos que pediram revisão dos exames subiram as notas

Dois terços dos alunos que pediram revisão dos exames subiram as notas

395
0

Não sei se se trata de uma mera tendência ou de uma indireta aos corretores de exames…

Pedir a reapreciação das provas nacionais do ensino secundário continua a ser benéfico para os estudantes. Na 2.ª fase dos exames deste ano, 65% das revisões resultaram na melhoria de notas, revelam os dados disponibilizados pelo Ministério da Educação esta segunda-feira. Este é, ainda assim, um recurso usado por uma minoria dos alunos: foi pedida nova análise de apenas 1,5% das provas.

 

As notas revistas alteram automaticamente as notas de ingresso dos alunos no acesso ao ensino superior. Quem ainda pretender alterar as opções de candidatura na 2.ª do concurso nacional de acesso em função destes resultados, pode ainda fazê-lo, no prazo máximo de dois dias úteis.

Vários estudos comprovam que a tendência para a subida de notas no processo de revisão deve-se mais à atitude de base do classificador do que propriamente a erros cometidos na primeira fase de classificação.

Na 1.ª fase dos exames nacionais deste ano, a taxa de sucesso dos pedidos de reapreciação tinha sido superior, com 73% dos alunos a conseguir melhorar a nota. Em 16% dos casos a classificação desceu, mantendo-se em 10% dos casos. Nessa altura, foram feitos 7142 pedidos de reapreciação, ou seja, 2,1% das 332.340 provas realizadas na 1.ª fase dos exames nacionais do ensino secundário que decorreu em Junho.

Quase dois terços dos alunos que pediram revisão dos exames melhoraram notas

(Samuel Silva – Público)

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here