Home Notícias Cerca de 15 mil alunos sofrem com falta de professores nas escolas...

Cerca de 15 mil alunos sofrem com falta de professores nas escolas portuguesas

92
0

O flagelo da falta de professores continua a fazer-se sentir nas escolas portuguesas, com uma lacuna de cerca de 211 docentes e técnicos especializados a afetar cerca de 15 mil alunos, avança o ‘Correio da Manhã’ (CM).

Segundo a mesma publicação, os distritos mais afetados com esta falta de docentes são Lisboa, com 94 professores em falta, Setúbal com 49 e Faro com cerca de 14, segundo dados disponíveis na plataforma do Ministério da Educação. No lado oposto só Viana do Castelo, Guarda, Coimbra e Castelo Branco não têm qualquer ausência a registar.

Vítor Godinho, do secretariado nacional da Federação Nacional dos Professores, revela ao mesmo jornal que, às 12h00 de sexta-feira, as disciplinas com maior carência de professores, uma vez que têm mais horários em oferta, são inglês, Francês, Português, Informática e Biologia e Geologia.

Segundo o ‘CM’, dos 211 horários a concurso, 59 são anuais (42 nos grupos de recrutamento) e 152 são temporários (146 nos grupos de recrutamento), só 12 dos horários em oferta são completos.

Os horários em oferta quase que duplicam face aos dados de 11 de dezembro, final do primeiro período, altura em que existiam 124, dos quais 103 em grupos de recrutamento. Nesta época, os distritos com maior falta de docentes eram Lisboa, Setúbal e Faro.

Fonte: Executive Digest

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here