Home Escola Bom-senso Deve Ser A Premissa Na Atribuição De Tarefas Neste Novo Ensino...

Bom-senso Deve Ser A Premissa Na Atribuição De Tarefas Neste Novo Ensino À Distância

183
1

A reportagem que faz capa no DN aponta para queixas dos encarregados de educação sobre a quantidade de trabalho atribuído aos alunos. Provavelmente teremos um pouco de tudo, mas convém esclarecer desde já que a grande maioria das escolas e famílias não estão neste momento preparadas para aulas à distância.

O que se pretende é a atribuição de tarefas de conteúdos anteriormente lecionados, com o intuito primordial de ocupar os alunos numa altura que pode efetivamente gerar ansiedades que serão agravadas com o passar dos dias/semanas.

Os professores devem lembrar-se que estamos a semana e meia do final do segundo período e atribuir exercícios em quantidade proporcional à situação. Se nas escolas já era difícil uma articulação entre pares sobre a atribuição dos trabalhos de casa com testes e afins, agora que os alunos estão em casa, não devemos cair no extremo de achar que os alunos estarão em frente a um computador 7/8 horas por dia.

É irrelevante para a classificação que será atribuída o trabalho realizado pelos alunos neste pouco tempo que resta. Os professores precisam de estar conscientes que os pais estão em casa, precisam de trabalhar e a escola não deve criar um foco de tensão acrescida.

Por último uma palavra aos encarregados de educação. Não têm, nem nunca tiveram a obrigação de ensinar conteúdos ou até explicar conteúdos aos vossos filhos, esse é o trabalho do professor. Os pais devem sim verificar se os seus filhos cumprem com as tarefas propostas, desde que sejam atribuídas com conta peso e medida, incutindo-lhes o sentido de responsabilidade e a noção de que não estão de férias. Se o fizerem, será mais do que suficiente.

Tenhamos todos um pouco de calma e noção dos tempos que estamos a viver.


Escolas fechadas. Pais a trabalhar em casa desesperam com exagero de TPC

Já não é saber como conciliar o teletrabalho com a presença dos filhos em casa: os pais agora questionam-se como trabalhar e ao mesmo tempo acompanhar as crianças com o volume “exagerado” de exercícios que os professores estão a mandar para substituir as aulas.

1 COMMENT

  1. Hoje é quarta-feira e já se estão a queixar? Livra!
    As tarefas escolares devem ser realizadas pelos alunos e não pelos pais. Ou preferem que os filhos estejam 7/8 horas a teclar e a jogar no telemóvel? Dá menos trabalho, não é?

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here