Início Notícias Alunos, Professores E Funcionários Em Greve Na 6ª Feira

Alunos, Professores E Funcionários Em Greve Na 6ª Feira

784
0

Há muito que defendo que a comunidade educativa se devia juntar para exigir melhores condições para as escolas e seus profissionais. A greve de amanhã será realizada por motivos diferentes, mas todos eles ligados às questões escolares e de cidadania.

Seria importante colocar na agenda mediática uma greve/manifestação, em que toda a comunidade educativa: alunos, funcionários, professores, sindicatos, diretores e pais, falassem a uma só voz e exigissem mais e melhor para a Escola Pública. Seria algo inédito e que seguramente não deixaria ninguém indiferente.

Fica o desafio!

P.S – É que ao vermos capas de jornal deste tipo, não conseguimos compreender como falta tanta coisa nas escolas…


“Black friday” nas escolas. Alunos e funcionários em greve esta sexta-feira

s trabalhadores não docentes vão estar em greve, esta sexta-feira, pela valorização da escola pública e do papel dos funcionários escolares. É esperado que centenas de estabelecimentos de ensino fechem devido ao protesto, organizado pela Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Funções Públicas e Sociais (FNSTFPS).

Em declarações à TSF, Artur Sequeira, da Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Funções Públicas e Sociais, admite esperar uma grande adesão dos trabalhadores, a nível nacional.

“Vai haver uma adesão nacional de trabalhadores, largas centenas de escolas fechadas em todo o país”, prevê o sindicalista.

Artur Sequeira afirma que os direitos dos trabalhadores não docentes “não estão a ser minimamente respeitados” e que esta paralisação é a reação dos profissionais a essa desvalorização. “É a resposta dos trabalhadores não docentes. É uma luta para alertar a opinião pública sobre a situação da escola pública e sobre a situação dos trabalhadores”, adianta.

O dirigente sindical acusa o ministro da Educação de “tapar o sol com a peneira” e pede uma resposta do Governo aos problemas dos funcionários escolares, nomeadamente da agora ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública, Alexandra Leitão (a antiga secretária de Estado da Educação, durante última legislatura).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here