Home Escola Alexandra Leitão e João Costa são os secretários de estado para a...

Alexandra Leitão e João Costa são os secretários de estado para a educação

536
0

Depois da nomeação de um Ministro cientista, especialista em Bioquímicas, temos agora a nomeação de uma secretária de estado especialista em Direito e outro especialista em Línguas. Desejo-lhes toda a sorte do mundo, mas gostava de ver finalmente um professor, ou professores que estivessem no terreno todos os dias e que dominassem como ninguém os meandros da educação do ensino não superior. Alias, se a opção foi partir a pasta de educação em dois, fazia todo o sentido que para o ensino não superior fosse nomeado um professor do mesmo nível.

Entregar uma pasta tão importante a alguém que está completamente fora do mundo real, é algo que na minha opinião não faz sentido. É a mesma coisa que contratar um especialista em “B” para desempenhar o cargo “A”, não critico as pessoas, critico o critério de seleção.

Mas o anterior Ministro também se dizia que era um especialista e deu no que deu, talvez a receita para o sucesso seja contratar alguém de fora, sem vícios, uma folha em branco… Que as influências que o rodeiam propiciem o diálogo e encaminhem a educação para uma acalmia duradoura. Basta de tanta crispação! Precisamos de paz e tranquilidade para fazermos o nosso trabalho.

Alexandra Leitão

Alexandra-LeitaoDocente na Faculdade de Direito de Lisboa especialista em:

Organização administrativa

Procedimento administrativo

Contencioso Administrativo

Contratação Pública

Direito da Educação

“Alexandra Leitão é Professora da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, doutorada em Direito  por esta Faculdade e uma destacada especialista em Direito Administrativo e na relação do Direito Administrativo com outras áreas do Direito Público. Para além do seu extenso percurso como docente em várias áreas do Direito, a Professora Doutora Alexandra Leitão é uma participante regular dos cursos e seminários dedicados às várias áreas do Direito Administrativo  em diferentes Faculdades e outras instituições ligadas ao Direito. A sua produção científica tem uma importância direta e atual para as questões mais prementes do Direito Administrativo, em especial no domínio da contratação pública e do contencioso administrativo. Entre as suas publicações mais destacadas estão O Enriquecimento sem causa da Administração Pública, A Proteção Judicial dos Terceiros nos Contratos da AdministraçãoPública, e os artigos “Contratos de Prestação de Bens e Serviços celebrados entre o Estado e as Empresas Públicas e Relações “In House””, in Cadernos de Justiça Administrativa, nº 65, 2007, “Da Admissibilidade de Pessoas colectivas de Iniciativa Pública Beneficiarem do Estatuto de Utilidade Pública”, in Estudos em Homenagem ao Prof. Doutor Sérvulo Correia, Coimbra, 2010, “O Princípio da Efectividade do Direito Comunitário: comentário ao Acórdão do TJUE “Recheio-Cash & Carry, SA”, de 17 de Junho de 2004, Processo C-30/02, obra colectiva, in 20 Anos de Jurisprudência da União sobre Casos Portugueses. O que fica do Diálogo entre os Juízes Portugueses e o Tribunal de Justiça da União Europeia, obra coletiva, Lisboa, 2011, “Contratos entre Entidades Adjudicantes (Acórdão do TJUE, de 9 de Junho de 2009, Processo n.º C-480/06), in Revista de Contratos Públicos, n.º 2, 2011, “O Tempo e a Alteração das Circunstâncias Contratuais, intervenção no V Encontro de Professores de Direito Público, in www.icjp.pt, “Duas questões a propósito da responsabilidade extracontratual por (f)atos ilícitos e culposos praticados no exercício da função administrativa: da responsabilidade civil à responsabilidade pública. Ilicitude e presunção de culpa, in Estudos em Homenagem ao Professor Doutor Jorge Miranda, Coimbra, 2012 e “Contratos de Associação celebrados entre o Ministério da Educação e os Estabelecimentos Particulares e Cooperativos de Ensino: Natureza e Regime Jurídico, in Revista de Contratos Públicos, n.º 5, 2013.”

João Costa

 

João CostaJoão Costa, docente na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, investigador em:

Sintaxe

Aquisição da Linguagem

Linguística Educacional

Publicações Relevantes

Costa, João. 2004. Subject positions and interfaces. The case of European Portuguese. Berlin: Mouton de Gruyter.

Costa, João. 1998. Word order variation. A constraint-based approach. The Haghe: Holland Academic Graphics

Friedmann, Naama; Costa, João. 2011. “Acquisition of SV and VS order in Hebrew, European Portuguese, Palestinian Arabic and Spanish”, Language Acquisition 1, 18: 1 – 38.

Costa, João, Maria Lobo & Carolina Silva. 2011. Subject-object asymetries in the acquisition of Portuguese relative clause: adults vs. children. Lingua, 121, 6, 1083-1100

Costa, João; Lobo, Maria; Silva, Carolina. 2009. “Null objects and early pragmatics in the acquisition of European Portuguese”, Probus 21, 2: 143 – 162

Saiba mais aqui

 

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here