Início Rubricas “A nossa Rita”

“A nossa Rita”

60
0

olhosrita

Nunca é demais mostrar bons exemplos aos nossos jovens, em particular àqueles a quem nada falta, inclusivamente saúde, e que vivem no mundo onde lutar por objetivos não faz parte das suas preocupações. Felizmente os nossos meios de informação, de vez em quando, e nem sempre da melhor maneira e no horário mais justo para os intervenientes e adequado para educar e estimular para a mudança de procedimentos, que preparem para os desafios da vida, fazem-nos chegar alguns temas de grande interesse.Desafios que nada têm a ver com a idade. Só variam no modelo e na estratégia consequente.

Há 3 dias, ao procurar um programa televisivo que fosse menos ” pesado”, ou seja, ligeiro suficiente para aliviar um pouco a depressão e ansiedade que esmagam, não podia ter tido maior sucesso: a voz e a presença de Mário Augusto aí estavam, empolgantes como sempre. Só que nesse dia, a estrela era outra, era mais brilhante, os comentários transbordavam ternura e o tema e a mensagem muito especiais. É do conhecimento público que a sua filha Rita sofre de Paralisia Cerebral. Como muitas outras crianças e adolescentes que sofrendo desta doença incapacitante em graus diferentes, dependem de grande e múltiplos apoios. Mas a Rita, foi brilhante, ofuscou completamente o pai que a deixou brilhar.

A Rita expôs-se ao falar de si e ao vir apresentar um livro sobre si própria a que deu o nome “AOS OLHOS DE RITA – Como sinto e vivo a paralisia cerebral”. A Rita veio dizer-nos corajosamente muito do que lhe vai na alma. Mas o mais nobre da sua mensagem está na força que transmitiu e mostrou ser necessária mas que é possível vencer barreiras. A Rita tem uma família por trás, é certo, mas não seria o suficiente para chegar onde uma adolescente chegou se não existisse essa “FORÇA” que ela tão bem revelou.

Que as nossas Ritas se multipliquem. Que as oportunidades lhes sejam proporcionadas.

Foi um enorme momento de televisão.

Maria de Lurdes Chieira – Pediatra

COMPARTILHE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here