Início Escola 2017-2018 | “Apenas” 5% Dos Alunos Desistiu Da Escola Ou Ficou Retido

2017-2018 | “Apenas” 5% Dos Alunos Desistiu Da Escola Ou Ficou Retido

152
2

Passou mais um ano e a taxa de reprovação e desistência escolar continua a diminuir. Nada que surpreenda tendo em conta o discurso e as políticas educativas implementadas. Se a qualidade das aprendizagens está a melhorar ou a piorar, isso é outra questão, mas infelizmente os dados apresentados não permitem tirar conclusões.

De realçar que nos últimos 5 anos, as retenções/desistências diminuíram para metade.

Sobre os restantes dados que constam no documento, realço que o número de alunos matriculados continua a diminuir a um ritmo preocupante, mas a taxa de escolarização continua a aumentar.

Partilho algumas imagens e o documento oficial da DGEEC.


A presente publicação pretende disponibilizar informação estatística oficial que discrimina, de forma mais detalhada, indicadores associados a crianças inscritas na educação pré-escolar e alunos matriculados nos ensinos básico, secundário, pós-secundário (não superior) e superior.

(carregar na imagem para aceder)

COMPARTILHE

2 COMENTÁRIOS

  1. A qualidade das aprendizagens subiu e muito… Era tão simples e foi preciso um Tiago para descobrir a ligeira névoa que levava ao sucesso… Nada melhor do que tornar sólidas as aprendizagens do que responsabilizar, na totalidade, os professores como únicos responsáveis pelas aprendizagens dos alunos; aligeirar os programas; tornar um anátema qualquer tipo de avaliação séria; excumunfgar os testes; valorizar os processos e não os objectivos; arranjar umas doutoras patuscas e com ar de governanta para fazer belos vídeos sobre a inovação que foi inventada há uma século… O sucesso é imparável”!!!! Viva urra!ÉÈ uma pândega!

  2. Hoje a Escola é fingimento atrás de fingimento. É uma vergonha.
    O governo para mostrar boas estatísticas provoca nos professores constrangimentos para que ninguém seja retido.
    O real saber está comprometido e ninguém com poder faz nada. Vergonha.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here