Início Tags Küttner

Tag: Küttner

A falta de civismo generalizou-se! E é grave!

Estamos a viver um tempo, em que se “vive um dia de cada vez”, e em que hoje estamos com mais falta de civismo...

Enquanto a violência existir, o medo terá sempre hora!

Seria curioso estipularmos algum tempo diário para o “exercício” tão simples e tão em desuso que é “pensar”! Pensar por nós, connosco, com os que...

Ajudemo-nos a ajudar, ou não!

Num tempo de forte “individualismos” e quase exagerados “egoísmos”, teremos que um dia - e convirá não ser muito tardio - parar um pouco...

Quanto à nossa selvageria, nada a fazer, cada vez pior!

Estamos a viver uns tempos em que não se respeita o nosso igual, em que se vive “um dia de cada vez”, em que...

O Medo torna-nos irracionais

O medo, leva-nos a tomar posturas completamente imprevistas, como única forma de sobrevivermos, a esse mesmo medo, até na célula mais importante à nossa...

As pessoas já nem querem ser simpáticas!

Os sociólogos, se bem acharem podem procurar razoes para a “não simpatia vigente e cada vez mais crescente no nosso País. Nota-se que anda tudo...

A mediocridade com que se dizem “palavrões”.

Que a língua portuguesa está a ser abreviada pelas novas tecnologias, onde o “que, passa a k”, o “também, a tb.”, e muito mais,...

A Raiva na condução automóvel

Como seria de esperar, uma vez que nada por ninguém tem sido feito para que tal não viesse a acontecer, “a fúria na condução...

Estamos numa de obsessão pelo bem-estar imediato

Estamos a viver um tempo, em que “não” se sabe e muito menos se quer, fazer esforços e por vezes até sacrifícios, para se...

Demasiados velhos são um mau exemplo para os novos

O tempo em que “valores e memórias”, eram usualmente “passados” de geração em geração, de velhos a novos, acabou-se. E, sem quaisquer saudosismos –...

Por favor, obrigado, desculpe, foram-se com o AO?

Várias são as dificuldades que se nos entrepõe, a cada dia que temos “utilizar” o chamado Acordo Ortográfico. E, ninguém sabe a quem aproveita...

Tem que se estar sempre conectado? Sempre?

Como é evidente um sexagenário na segunda fase desta década, ainda pensa ser importante, quando duas pessoas ou mais estão em conjunto, no mesmo...

Sinal dos tempos? Mãe “és uma burra”!

O Augusto é um observador atento e com padrões éticos muito elevados e ainda bem que o é! É preciso elevar o grau de...

Seremos um país de vedetas?

Estamos a tornar-nos um País de vedetas, onde cada pessoa que pelos mais diversos motivos, “entra” uma vez no espaço público ou político, nunca...

Dizer palavrões e tratar por tu “é fixe”, meu

Se não formos dos praticantes do palavrão, ou seja, em cada 10 palavras 11 serem palavrão, dado que já está entre dentes um –...