Início Escola Irei Prejudicar Radicalmente Os Professores

Irei Prejudicar Radicalmente Os Professores

1380
1
COMPARTILHE

Foi em novembro de 2017 que Tiago Rodrigues prometeu defender radicalmente os professores, mas afinal o que Tiago Rodrigues prometeu foi prejudicar radicalmente os professores. É que depois do soundbyte perfeito, seguiu-se uma defesa mesmo mesmo muito radical, a saber:

uma não negociação da recuperação do tempo de serviço;

uma proposta de recuperação de quase 1/3 terços do tempo de serviço congelado depois de terem afirmado que iriam recuperar todo o tempo de serviço;

um boicote e intimidação aos professores em diversos períodos de greve, enviando para as escolas informações falsas para lançar a dúvida e o medo;

uma promoção de ultrapassagens entre professores com um reposicionamento vergonhoso;

uma campanha de mentiras atrás de mentiras para manipular a opinião pública, numa tentativa reles de colocar a opinião pública contra os professores, imitando a sua antecessora Maria de Lurdes Rodrigues.

Tiago Rodrigues, o intitulado Ministro da Educação que tanto preza e valoriza as questões da Cidadania afinal mente com todos os dentes que tem na boca, Tiago Rodrigues tem de sair o quanto antes, pois está a enganar os professores, os deputados e a opinião pública em geral. Os professores não vão ser aumentados quase 20% até 2023!

“Até 2023, teremos com o reposicionamento, com o descongelamento e com a reconstituição das carreiras um aumento de 19% dos salários, o que equivale aumento médio de 3,6% ao ano”

Reposicionamentos ou subidas de escalão, não são aumentos salariais e mesmo que o fossem, saberá Tiago Rodrigues os valores da inflação para os próximos anos? Ou é como a gracinha do aumento brutal do orçamento para a Educação no OE2019 mas que na realidade é inferior a 2015 tendo como base o produto interno bruto?

Já disse e volto a repetir, este senhor e os seus camaradas perderam a vergonha, estão de nariz empinado como se fossem uns heróis por terem descongelado carreiras, voltado a colocar o mesmo número de alunos por turma, ou oferecido manuais escolares. Falam até que nunca entraram tantos professores para a carreira… Isto é de rir!!! Como se comparar uma desgraça com o apocalipse que foi a Troika seja motivo de orgulho para alguém. O que eles fizeram é apenas uma consequência natural do período da Troika, não fizeram favor a ninguém, mas falam como se tivessem uma capa nas costas ou pior como se fossem vítimas e uns incompreendidos. Coitadinhos!!!

A Educação deixou de estar em coma, mas está nos cuidados paliativos. Só que estes senhores de suposta esquerda falam como se a Educação estivesse fresca como uma alface do Lidl.

O descaramento é total, sem pudor e infelizmente só vai piorar.

Onde anda o Presidente da República??? Já que está tão preocupado com Tancos, então se calhar convém ver as granadas “reais” que estão a ser lançadas contra os professores…

Ao menos que nos respeitem porra!!!

Salários dos professores vão aumentar quase 20% até 2023

Ministro da Educação, no Parlamento, transforma um roubo em aumento salarial

É inadmissível, por ser mentira, que o ministro da Educação tenha afirmado na Assembleia da República que os professores irão ter, até 2023, um aumento salarial de 3,6% ao ano, totalizando mais de 19%. É falso! O ministro, mais uma vez, tenta manipular a opinião pública virando-a contra os professores. Quem usa a desonestidade política como estratégia para isolar trabalhadores, no caso os professores, deveria pensar se tem condições para ser ministro de um país cuja Lei Fundamental respeita as regras da Democracia.

Fonte: Fenprof

COMPARTILHE

1 COMENTÁRIO

  1. Já agora, não esquecer que com a vinculação e concursos extraordinários, centenas de professores já nos quadros de zona pedagógica foram ultrapassados por muitos outros que tiveram sempre um horário escondido para eles, que nunca quiseram concorrer além proximidade de casa e outros que agora decidiram regressar do ensino privado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here