Início Notícias Há escolas e depois há escolas em contentores…

Há escolas e depois há escolas em contentores…

302
2

Já chega!!! Alguém que ponha a mão na consciência e faça alguma coisa, estamos a ultrapassar todos os limites. Não podem continuar a existir escolas de 1ª e escolas de 2ª… Escolas que depois são comparadas nos rankings como se estivessem nas mesmas condições. Um ensino de qualidade é inviável num contentor, passei pela experiência e nunca mais me esqueço de ouvir um aluno espirrar no contentor ao lado… O ensino não pode ser um remendo sem prazo e muitas escolas vivem em remendos continuados enquanto outras aguardam a sua chegada.

O que é demais é demais…

Fica a petição a pedir a conclusão da Escola Secundária de Amarante que a professora Anabela Magalhães divulgou no seu blogue.

A Escola Secundária de Amarante é uma delas, congelada no tempo algures entre a 2.ª e a 3.ª fase das obras pela fabulosa e inacreditável Parque Escolar, parida em tempos de “inginheiro”.
Mas a Parque Escolar foi uma festa p’rá arquitectura! – disse ela. E foi uma festa p’rá engenharia! E prontus, foi uma festa p’rá’lguns políticos… e que festa foi! Aliás, pá’lunos, professores e demais ocupantes destes edifícios a festa continua e é de arromba. Dia após dia, ano após ano. E dura, dura, dura… que esta festa tem carga de pilha até dizer basta!
Hoje recupero esta história. Porque ela parece não ter fim.

E chamo a atenção, de novo, para as obras paradas na ESA, para os alunos e professores a trabalharem em contentores, para a comida consumida na cantina que aqui chega depois de cozinhada numa outra escola, para o acidente grave que sofreu uma aluna no dia 22 de Novembro de 2017, atropelada numa estrada nacional onde os alunos se amontoam à saída das aulas, a isso obrigados porque a verdadeira entrada e saída da escola, a calma e recatada de trânsito, se encontra fechada e inconcluída há anos!… para quem assiste à cena, e eu já assisti por diversas vezes à saída dos alunos desta escola vizinha da minha, o espanto é mesmo provocado pela inexistência de muitos mais acidentes graves de atropelamento na área até este malfadado dia de Novembro!… e… e… os constrangimentos são tantos que ficaria aqui demasiado tempo só na sua enumeração.

Fonte: Blogue Anabela Magalhães

Petição a favor da conclusão das obras de requalificação da Escola Secundária de Amarante

COMPARTILHE

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here