Início Rubricas Elas, com tanta dificuldade em assumir a verdadeira idade.

Elas, com tanta dificuldade em assumir a verdadeira idade.

124
1

1 a a a a bel sex symbol aos 6Elas, com tanta dificuldade em assumir a verdadeira idade. Parece que, entre vários dos valores- e muito para lá de dinheiro, dinheiro, poder, poder – que se perdem, a cada dia que passa, tais como respeito, vergonha e dignidade, as pessoas, essencialmente do sexo feminino, não querem usufruir da idade que de facto têm. E, se a evolução que a Mulher fez nestes últimos 40 anos foi excelente, em todos os aspectos de igualdade com o Homem, tudo tem que ter um equilíbrio para não ficar demasiado desequilibrado.

A evolução não deverá “ter “que ser até ao infinito, pensa-se! E estão, hoje, as meninas aos 13 anos a comportarem-se, pintarem-se, vestirem-se (despirem-se?) assumirem-se como se estivessem entre os 18 e os 24 anos e demasiadas Mulheres a partir dos 50 anos, fazem o recuo para aquela mesma idade. Mas convenhamos ou não, com tudo de “fora de tempo”. As crianças, a entrar na adolescência, a acharem que já estão com o direito de gozar o corpo – a mente, esvai-se um pouco pelo copy/paste destes tempos – como se estivessem em pleno tempo de bem aproveitar a sua sexualidade assumida e consentida. 

E, em simultâneo, Mulheres que já passaram intensamente- ou, nem por isso -, grande parte deste tempo, a querer, fora de tempo ao mesmo voltar. E, penosamente, podemos a cada dia mais observar esta situação. Basta querer ver o que se passa em nosso redor, e, com desalento se constacta, que “tantas” querem ser o que ainda não é tempo de ser, e outras a recuar ao tempo que já foi “seu”! Isto, evidentemente, com todas as consequências nefastas, quer para as próprias, quer para a sociedade num todo, que aportam, quando vemos crianças de 13 anos a não aproveitarem a sua verdadeira idade – que nunca mais terão – por se quererem fazer crescidas, e em simultâneo Mulheres aos 50`s recuarem, como se possível fosse, para uma idade que já lhes passou. Em qualquer dos casos, em cada idade- pela qual, só uma vez passam – têm sempre tanto e tanto para aproveitar, se o souberem/ quiserem de facto assumir, em vez de viverem sempre fora do tempo que é o seu, de cada uma, e deveria ter e bem que ser o próprio tempo, de cada uma! Elas lá sabem, e nas mais novas, pais e mães deixam demasiado cedo de saber impor regras! Há tempo para tudo até para mandar, sem vergonhas!

Augusto Küttner de Magalhães

Nota: o Augusto não se irá importar de meter a colher na sua rubrica, mas o tema assim o impõe. A realidade que o Augusto fala está cada vez mais presente e a começar cada vez mais cedo, chegando ao ridículo de concursos de beleza conforme a imagem em cima. Pior é que muitos milhões estão a ser ganhos com esta nova industria, e as crianças até podem achar piada serem barbies em vez de brincarem com barbies, mas tudo isto não passa de uma exploração infantil muito bem maquilhada, que faz as delícias de muito predador sexual e que viola a idade cronológica e emocional de meninas que não fazem a mínima do que lhes está a acontecer.

Como viciar nossas meninas em 300 mil lições

Are Tweens Too Young for Makeup?

COMPARTILHE

1 COMENTÁRIO

  1. Obrigado, Alexandre, pela Nota mais que oportuna que acrescentou.

    E, mais um caso em que Pais e Mães se não sabem impor, teem medo de mandar nas filhas e por isso aos 13 anos, nao as impedem de assumir-se como se tivessm 20.

    Aos 20 estao uns cacos, aos 50 recuam em plasticas/ botok´s, colagens, etc….. e sabe-se lá mais o qu aos 20…e nunca estao na idade verdadeira

    Viva Pais e Maes que dexam que assim seja.

    E quem aos 50 acha-se com 20 !!!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here