Início Rubricas Comentário da Semana | Quem vai de férias?

Comentário da Semana | Quem vai de férias?

463
0
COMPARTILHE

DGEstE não quer que os professores vão de férias

Isto é fantástico… a forma grosseira como o ME encara o que é um conselho de turma e as consequências do entendimento que fazem do referido órgão, explica muita da demência demonstrada na educação dos nossos filhos e alunos… tudo explicado.” Patrícia Cataludo

Alguém que avise os srs. do ME que Portugal ainda não é uma república das bananas (ou será que é?)” Henrique Ribeiro

O Ensino Secundário é alérgico à Flexibilização Curricular?

Em coerência não se devia começar em 1° lugar por se reestruturar os diferentes programas curriculares? É que sem se proceder a uma clara mexida nos programas curriculares e tendo em conta as respectivas cargas horárias (que em alguns casos se traduzem em perda de tempos) a implementação dessa tal flexibilidade traduz-se somente em algo sem real significado em que a “boa vontade” dos Profs. não chega para colmatar os buracos que vão surgir. Por outro lado, e apesar de existir uma comissão que está a estudar as implicações que a medida terá ao nível das Provas de Exame Nacionais com a sua reformulação, parece-me que o timing surge com grande desajustamento. A isto acresce as diferentes formas da implementação dessa Flexibilidade a nível das escolas do país, se não existir coerência entre as diversas formas implementadas o risco do fracasso torna-se em pleno fracasso, e mais uma vez serão os Profs a suportarem o ónus da culpa. Tem de ser a tutela a definir as “regras” do jogo e não sacrificar, como é usual os Profs. a descobrir fórmulas mágicas para implementar medidas propostas por quem não faz todo o trabalho. Entenda-se que isto é só uma mera opinião criada a partir do nada que sei.”         Jose Antonio

Despacho do OAL não repõe legalidade nos horários de trabalho

Será que a Fenprof está a brincar com os professores?? Está com um atraso de 3 anos, para falar só no curto prazo! O atentado à definição de CL e CNL, e não só(!!), dura há vários anos e nada se tem passado! A gestão, os horários, as carreiras, a falta de condições de trabalho, a difamação e,e,e….
Tanto que nos foram atirando para as costas, ao longo de anos, com os sindicatos a ver e nós a aguentar… Haja decoro, senhores!” Graça Bastos

Greve de professores prossegue em julho e agosto no Agrupamento de escolas em Caminha

Grandes profissionais. Unidos. Estão a dar uma lição ao rebanho de ovelhas mansas.” Graça Costa

 

Comentários retirados da página do Facebook do ComRegras

COMPARTILHE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here