Início Rubricas Aquela resiliência que os privilegiados não querem suportar mas querem ‘D.Quixotes’ que...

Aquela resiliência que os privilegiados não querem suportar mas querem ‘D.Quixotes’ que o façam…

850
0
COMPARTILHE

“Cale-se ou arranco-lhe os óculos da cara com o meu pénis ou com a mão!”

“Chamo-me Cortez e fui expulso da última escola porque lutei com o professor e parti-lhe o pulso.”

Afirmações ditas por 2 alunos de 12 a 14 anos que frequentam a escola pública Montefiore, em Chicago, gravadas para o documentário intitulado “Last chance high”, emitido no canal Odisseia. (a primeira afirmação foi dirigida a um professor de matemática )

A escola é a última chance antes que os jovens sejam submetidos ao sistema de justiça e encarcerados. A maioria deles teve problemas de âmbito criminal, acusados de agressão e ofensas corporais.

A filmagem mostrou um cenário pungente: cenas frequentes de agressividade entre alunos e em relação a professores.

“Vi professores a entrar pela porta da frente da escola e 10 minutos depois já estavam a sair pela porta das traseiras. Não conseguem suportar o ambiente.” Professor de educação fisica na escola Montefiore

A maioria dos alunos vem de um ambiente familiar desestruturado, com pais presos, negligentes ou ausentes. Outros são influenciados pelo ambiente social da comunidade, convivendo com gangues, em que os pais vivem angustiados por não conseguirem impedir essa influência nefasta.

Lecionar é uma tarefa dramática, heroica, e nem com apetrechamento tecnológico na sala de aula se consegue um ambiente de trabalho tranquilo. Existe indisciplina constante, agressões verbais e físicas entre alunos, motivadas por perturbações emocionais graves nos alunos.

E isto leva a pensar quantos casos em Portugal são semelhantes, estando escondidos do meio mediático, onde muitos docentes trabalham em condições frustrantes e desmotivantes, mas mantendo sempre a resiliência de insistir em proporcionar um futuro melhor a jovens sem perspetivas…

Mário Silva

COMPARTILHE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here