Início Escola Análise dos resultados de exames/provas (médias, escolas alinhadas, desalinhadas, etc…)

Análise dos resultados de exames/provas (médias, escolas alinhadas, desalinhadas, etc…)

622
0
COMPARTILHE

O site Infoescolas é um sonho para quem gosta de estatística. Já podem consultar os resultados da vossa escola sem rankings à mistura…

Carregar na imagem para aceder

O Ministério da Educação também forneceu os “Principais Indicadores das Provas Finais e Exames”

Há mais alunos com sucesso. Mas ainda são a minoria

(Clara Viana – Público)

Em declarações aos jornalistas, João Costa considerou que estas subidas se poderiam justificar pela “ligeira subida da média dos exames nacionais” registada no ano passado em quase todas as disciplinas e por algum impacto das acções entretanto adoptadas pelas escolas no âmbito do programa de promoção do sucesso escolar, lançado no ano lectivo passado.

O governante frisou, contudo, que esta evolução deve ser “olhada com cautela” porque em educação dois anos não são tempo suficiente para identificar tendências.

O que dados divulgados nesta quinta-feira também mostram é que o desempenho dos alunos continua a ser marcado fortemente pelo género e pelo meio de origem dos estudantes. Tanto no ensino básico como no secundário existe uma maior proporção de raparigas e de alunos oriundos de meios mais favorecidos entre aqueles que conseguem percursos directos de sucesso.

Atualização (18 horas)

Apresentação das novidades do Portal Infoescolas – em infoescolas.mec.pt

1. A partir de hoje, o Infoescolas tem informação sobre os Cursos Profissionais, tornando-os visíveis, com taxas de sucesso e informação sobre cursos e áreas.
Valorização do ensino profissional, potenciando o Infoescolas como instrumento de escola de percurso e tornando objetivos os critérios para a definição da rede. Tornamos visíveis e relevantes 50% do sistema até agora de fora das estatísticas.

2. Aprofundamos o indicador “Percursos Diretos de Sucesso”. Contrariando o simplismo redutor e indutor de más práticas pedagógicas dos rankings tradicionais, este indicador conjuga avaliação interna e externa e compara alunos com perfis de entrada comparáveis. Além disso, penaliza a seleção de alunos à entrada ou o encaminhamento forçado.
Avalia as escolas pelos resultados, mas também pelo que trazem de mais-valia a cada aluno.

3. O Infoescolas passa a integrar informação detalhada sobre as provas de aferição do ensino básico, permitindo que as escolas analisem desempenhos em subdomínios das disciplinas, detetem desigualdades internas, apoiando-as na melhor tomada de decisão local face às suas necessidades específicas.

João Costa via Facebook

COMPARTILHE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here