Início Notícias Alunos Sem Aulas E Professora Aluga Sofá A 10 Euros Por Dia...

Alunos Sem Aulas E Professora Aluga Sofá A 10 Euros Por Dia Para Dar Aulas Em Lisboa

741
1

Tempos houve em que a nobreza da profissão docente era tal que era impensável lermos certas notícias. Se dúvidas ainda existiam sobre a desvalorização da profissão, esta notícia, em conjunto com outras em que os professores pernoitam em tendas de campismo, refletem bem a falta de consideração do Ministério da Educação pelos seus profissionais.

Respeitar a Educação, é também respeitar os seus profissionais, os seus professores. Nem uma palavra se ouve do Ministro da Educação sobre este assunto, até mesmo no caso das agressões surgem apenas comunicados “redondos”, condenando todo o tipo de violência. Como se as palavras “solidariedade” e “professor” queimassem a língua…

Chegará o dia em que não haverá professores de uma forma transversal, de momento, a escassez de docentes ainda está restrita a algumas disciplinas e algumas zonas do país, mas chegará o dia onde os professores serão um bem escasso e seguramente que a sociedade vai pedir responsabilidades a quem deixou chegar a Educação a esse ponto.

Cá estaremos para lembrar quem foram os responsáveis!

Há alunos que não vão ter aulas a uma ou mais disciplinas todo o 1º período

O ano letivo começou há três meses e falta pouco mais de uma semana para acabar o 1º período. Mas há alunos de várias turmas, em particular em Lisboa e no Algarve, que ainda não conseguiram ter qualquer aula a uma ou várias disciplinas nem sabem se e quando virão a ter, segundo diretores e professores ouvidos pelo Expresso.

No Agrupamento de Escolas Mouzinho da Silveira, na Baixa da Banheira, desde o início do ano letivo que duas turmas do 8º ano estão sem professor de Geografia e de Francês, conta Paulo Guinote, professor naquele agrupamento. No Agrupamento da Moita, também na margem sul, falta um docente de História desde o início do ano, afetando turmas do 8º que já em 2018/19 tinham estado sem professor durante dois períodos. Esta semana foi colocado o de Geografia que também estava em falta desde setembro. Alunos do 2º ciclo aguardam ainda que lhes deem Tecnologias da Informação e Comunicação. Na secundária artística António Arroio, em Lisboa, as dificuldades têm existido a várias disciplinas, reconhece a subdiretora Benedita Salema: Filosofia, Educação Física, Geometria Descritiva, Português. Para esta disciplina sujeita a exame nacional, só no final de novembro chegou um docente para uma turma do 12º.

Fonte: Expresso

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here