Início Notícias 2ª Orçamento Participativo nas Escolas

2ª Orçamento Participativo nas Escolas

120
6
COMPARTILHE

1 milhão de euros para os alunos melhorarem as suas escolas. Acho a ideia excelente e considero muito positivo incentivar os alunos a participarem num espaço que foi criado principalmente para eles.

Alunos mostram que bastam poucas coisas para melhorar uma escola

Há um milhão de euros reservados para esta iniciativa, que serão distribuídos em função dos alunos de cada escola participante: 1 euro por estudante, sendo que o “tecto mínimo é de 500 euros”, esclareceu o ministro. Este projecto destina-se a alunos do 3.º ciclo e do ensino secundário. São eles que têm de apresentar as propostas e são eles também que as escolhem, através de votação em urna.

Os projectos, que têm de ser apresentados até ao final de Fevereiro, serão votados a 24 de Março para coincidir com o Dia Nacional do Estudante. Em 2017, os alunos da Secundária Padre António Vieira optaram por investir em melhores condições para a sala de convívio dos estudantes. Para 2018 já existem pelo menos sete propostas. Por exemplo, apostar na aquisição de equipamento de rádio.

(…)

A instalação de rádios de estudantes nas escolas foi, precisamente, o projecto mais recorrente da edição do OPE de 2017. Segundo informações do Ministério da Educação (ME), nesta edição votaram 221.000 alunos de 1023 escolas, o que representa 93% do total de estabelecimentos com aqueles níveis de ensino. Foram apresentadas 4731 propostas. Saber-se-á se foram todas levadas à prática quando a Inspecção-Geral da Educação e Ciência concluir a sua avaliação da iniciativa, o que deverá acontecer nos próximos meses, informou o ME.

Fonte: Público

Orçamento Participativo das Escolas

COMPARTILHE

6 COMENTÁRIOS

  1. Boa tarde,

    gostaria de saber se os alunos das regiões autónomas também estão inseridos no orçamento participativo.

    Grato pela atenção,

    Francisco Abreu

  2. Ainda recentemente solicitei colaboração à Fundação Francisco Manuel dos Santos (tinham 50 mil livros para distribuir por escolas e estabelecimentos prisionais) e disseram que as escolas das regiões autónomas não faziam parte do programa… umas vezes estamos, outras ficamos de fora.

    Cumprimentos,

    Francisco Abreu

  3. Autonomia? Rankings… os professores devem tratar cada aluno de forma diferente (respeitando as suas caraterísticas, já o estado pode tratar todos «por igual… como exigir resultados se os meios são diferentes?

    Triste país…

    Grato pela atenção,

    Francisco Abreu

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here